sábado, 8 de dezembro de 2012

Dragon Ball GT: Plano de Desenvolvivemento

Dragon Ball GT, A terceira e final série que marca a história de Son Goku e companhia e as suas aventuras envolvendo com as Esferas do Dragão. Esta terceira temporada, Ao contrário das séries anteriores,não se guia por um mangá, mas sim passando por um plano de história dirigido pelos executivos da TOEI animation e uma supervisão de Akira Toriyama, quer no desenvolvimento história como na secção gráfica e artística. Todos se mantiveram em sintonia até ao conflito com Baby (Baby). As audiências e o sucesso da história não estavam a ser as esperadas mesmo com o aparecimento do Son Gokû em Super Saiya-jin 4, e então Akira temeu pela sua história e franchise que construiu desde o zero, chegando mesmo a impor a hipótese de ameaçar retirar o GT do ar. Foi então que chegaram a um acordo, entre executivos e Akira, a história seria encurtada e finalizada o mais rápido possível, renegando assim o primeiro contrato em que se realizariam 3 sagas e uma possível extensão a uma 4ª saga, caso existisse sucesso. 




Para quem não sabe, o especial do Dragon Ball GT "Gokū Gaiden! Yūki no Akashi wa Sì Xīng Qiú" (A História aparte de Gokû! A Prova da Coragem é a Bola de Quatro Estrelas) foi uma tentativa de convencer Akira Toriyama a prosseguir uma nova história com as gerações seguintes de Goku e Vegeta, mas foi recusado. Apenas servindo de Especial, que aliás levanta questões e surge incoerências, pois no especial é referido que todos pereceram, até mesmo Gokû sendo mostrado um túmulo, exceto Pan, mas claro está, por esse momento nem sabiam como iriam acabar a história verdadeiramente.

A partir desse acordo, o projecto de 50 capítulos do Super Andróide #17 foram alterados para uns míseros e curtos 7 episódios. Transformações como Son Gohan em Super Saiya-jin 4 e Pan em Super Saiya-jin foram postas de parte, por falta de tempo, e também estava programada o aparecimento de Gojîta (Gogeta) SSJ4 nessa Saga, mas com a aceleração da história e a pressão para ser terminada, foi guardada para o final da história. Sendo assim a história do Dragon Ball GT acabou com uma quantidade de 64 episódios e um especial. Todas as informações dispõem de um artigo chamado de "Dragon Ball GT: Perfect Files" 

O que vocês acham galera, Dragon Ball GT seria tão odiado assim se fosse desta maneira? Ficaria bem bacana, sou fã de DBGT também, esta série mesmo desse jeito não se compararia a DBZ ou DB entretanto ficaria muito interessante com outras transformações, e quem sabe contra Omega Shenlong não veriamos um Vegetto Super Saiyajin 4. 


Créditos: Dragon Ball-PT